Imprimir esta página

Operação Festas Seguras reduz crimes em quase 40 localidades no final de ano

Operação Festas Seguras reduz crimes em quase 40 localidades no final de ano Foto: Elielson Modesto / Ascom Segup

A Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) divulgou, na tarde de terça-feira (5), o resultado final da 2ª fase da Operação Festas Seguras, que abrangeu, de forma integrada, cerca de 40 localidades do Pará, com o objetivo de garantir maior segurança aos frequentadores que se deslocaram para municípios do interior a fim de passar as festas de final de ano. A Operação também agiu para que todos cumprissem as normas do Decreto 800/2020, do governo estadual, destinadas ao combate à Covid-19 nas principais praias e balneários.

A 2ª fase da “Festas Seguras” foi iniciada em 22 de dezembro de 2021, e finalizada na última segunda-feira (4), com o balanço final da produtividade e índice de criminalidade. Neste período foi observada grande movimentação de pessoas para o interior do Estado, mas também a efetividade nas atuações de prevenção e nas reduções dos índices de criminalidade em relação ao ano passado. Os dados foram consolidados pela Secretaria Adjunta de Inteligência e Análise Criminal (Siac), vinculada à Segup.

“Trabalhamos intensamente neste período de maior deslocamento da população para o interior do Estado, especialmente naqueles municípios mais procurados pelos paraenses e turistas de outros estados para garantir uma virada de ano tranquila. As equipes das polícias Civil e Militar atuaram, ainda, na fiscalização de estabelecimentos para garantir o cumprimento do decreto estadual e das demais normativas de combate à proliferação da Covid-19. Apesar da grande movimentação, conseguimos apresentar uma redução na criminalidade, e isso mostra a força da nossa atuação integrada para garantir lazer com segurança a todos”, disse o secretário adjunto de Operações da Segup, coronel Alexandre Mascarenhas.

Segundo os dados levantados, entre 22 de dezembro e 4 de janeiro de 2021, houve uma redução de 22% nos Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI), e de 45% e 21%, respectivamente, nos furtos e roubos, em relação ao mesmo período do ano passado. Foram registrados 110 crimes violentos cometidos entre 22 de dezembro de 2019 a 4 de janeiro de 2020. No mesmo período de 2020 a 2021, foram registrados 86. O número de furtos foi de 3.816, de 2019 para 2020, e 2.117, de 2020 a 2021. Os roubos chegaram a 2.528 no ano passado. Neste ano, foram 2.004 casos.

“Visibilidade” - Na Região Metropolitana de Belém (RMB), a Polícia Militar promoveu a Operação Visibilidade, reforçando o policiamento ostensivo e preventivo em pontos estratégicos, nos grandes corredores urbanos e na área de saída e entrada da cidade.

Segundo a Siac, na RMB a redução totalizou 25% de CVLI (16 registros em 2019/2020, e 12, em 2020/2021), 49% nos furtos (1.687, em 2019/2020, e 852, em 2020/2021) e 33% nos casos de homicídio (15 em 2019/2020, e 10 no período entre 2020/2021).

“Conseguimos apresentar uma redução de 22% nos crimes violentos durante o período mais sensível da Operação, que compreendeu o feriado prolongado do Natal seguido do Ano Novo. Conseguimos, também, obter redução nos crimes de roubo e furto, tanto na RMB quanto no interior. Isso é reflexo das ações de ostensividade planejadas pelos órgãos de segurança, que empreenderam esforços de forma conjunta”, destacou o secretário adjunto de Inteligência e Análise Criminal da Segup, André Costa.

Resultados - Entre as ações nas localidades que receberam reforço da Operação Festas Seguras destacam-se a fiscalização de 1.854 bares e similares, e a abordagem de 39.343 pessoas, com 460 prisões feitas por policiais militares, além da instauração de 108 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO).

A Polícia Civil fiscalizou 116 estabelecimentos e 113 veículos, devido à poluição sonora, e fechou 16 estabelecimentos. Já os militares do Corpo de Bombeiros orientaram 8.981 pessoas, fizeram 107 atendimentos pré-hospitalares e o resgate por afogamento de 21 pessoas, e ainda localizaram 20 crianças que haviam se perdido dos responsáveis.

Trânsito e efetivo – Agentes do Departamento de Trânsito (Detran) autuaram 3.592 condutores por excesso de velocidade nas rodovias e removeram 98 veículos. Foram autuados, ainda, 80 condutores por dirigirem sobre influência de bebida alcoólica. “Realizamos também o monitoramento das vias de acesso aos municípios, com a finalidade de prevenir acidentes e resguardar a incolumidade física das pessoas e do patrimônio público e privado, fiscalizando o excesso de velocidade, associado ao uso de bebidas alcoólicas e direção veicular”, informou o coronel Alexandre Mascarenhas.

A Operação Festas Seguras contou com o reforço no efetivo de 1.500 agentes de segurança, 227 viaturas (de duas e quatro rodas), além de viaturas de busca e salvamento e unidades de resgate do Corpo de Bombeiros, embarcações do Grupamento Fluvial (Gflu) e duas aeronaves do Grupamento Aéreo de Segurança (Graesp).

 

Fonte: Por Walena Lopes (SEGUP)

Avalie este item
(0 votos)

Compartilhe na sua rede social...

Carajas o Jornal